Notícias e Eventos
Notícias SEGH

9
jul/20

Bento Gonçalves institui o Observatório turístico de enfrentamento a Covid-19

Compartilhe isto:

Bento Gonçalves mais uma vez inova e lança uma ação inédita no combate ao novo Coronavírus. A partir da articulação do Comitê Pró-Turismo Bento com instituições de ensino superior, o município passa a contar com um Observatório turístico de enfrentamento a Covid-19. A iniciativa foi apresentada nesta terça-feira, 7, para o prefeito Guilherme Pasin.

O objetivo do estudo é realizar o diagnóstico do setor e os impactos que a doença tem causado no segmento. Para isso, será realizado o monitoramento semanal de uma amostra dos estabelecimentos cadastrados no selo “Ambiente Limpo e Seguro” – que hoje soma 86 certificados – para detectar se as medidas que foram adotadas são eficazes na contenção do vírus.

“É emocionante ver o engajamento pelo bem do turismo e da nossa Bento Gonçalves. O observatório é mais uma prova que o Comitê e trades turísticos estão comprometidos com a retomada gradual e responsável das atividades turísticas. Respeitando os protocolos, aderindo ao selo, cuidando da empresa e equipe para poder acolher num ambiente limpo e seguro quem nos visita. Sempre em prol da vida e em harmonia com a busca da saúde emocional e econômica. Agora, além de incentivar a implantação de todos os cuidados previstos, Bento estará monitorando a evolução de casos de contaminação pelo vírus nestes empreendimentos. Nosso agradecimento a todos os envolvidos. Definitivamente juntos somos mais fortes”, ressaltou a presidente do Conselho Municipal de Turismo (COMTUR) e diretora executiva do SEGH Região Uva e Vinho, Marcia Ferronato.

O levantamento dos dados será realizado em parceria com cinco instituições de ensino: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do RS (IFRS) – Campus Bento Gonçalves e Porto Alegre, Centro Universitário Cenecista de Bento Gonçalves (UNICNEC), Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) e Universidade do Vale do Taquari (UNIVATES).

“A proposta do Observatório, como benefício para a cidade como um todo, é fazer um acompanhamento dentro do setor turístico da evolução dos casos suspeitos e confirmados de Covid-19 dentro dos estabelecimentos. Com a amostra dos empreendimentos do selo “Ambiente Limpo e Seguro” poderemos identificar o quanto a adoção das medidas de segurança estão contribuindo para gerar segurança para os seus colaboradores e visitantes. Estamos com uma equipe multidisciplinar, aonde pesquisadores com experiência se uniram para analisar algo que é novo para todo mundo”, frisou a coordenadora do projeto, a turismóloga e professora do IFRS – Campus Bento, Hernanda Tonini.

O monitoramento se estenderá pelo período de doze semanas e avaliará e monitorará a evolução de casos de contaminação pelo vírus em ambientes que adotam medidas preventivas de combate ao Coronavírus, podendo apresentar cenários sobre a efetividade das ações realizadas na redução do contágio por parte das equipes que trabalham nos estabelecimentos e também pela visita turística.

“Estamos comprometidos de forma incansável em buscar alternativas que nos apontem caminhos a garantir a segurança de todos. Entendemos que retomada econômica só funciona se todos estão protegidos realizando suas atividades. A partir deste estudo poderemos ter dados que nos ajudem a encontrar melhores caminhos para salvar a economia, mas acima de tudo, proteger a vida das pessoas”, destacou o secretário municipal de Turismo, Rodrigo Ferri Parisotto.

O prefeito Guilherme Pasin enalteceu a iniciativa. “Essa união do Poder Público, entidades e o meio acadêmico são de extrema importância para a análise das ações que vem sendo desenvolvidas pelo setor e seus resultados. Continuamos firmando nosso compromisso com a transparência e a seriedade para que juntos possamos vencer essa luta contra o Coronavírus”, salientou Pasin.


Equipe de pesquisadores
O Observatório é formado pelos seguintes profissionais:
Bel. Bruno Melo (Turismo) – IFRS Campus BG
Me. Carlos Henrique Monschau Funck (História e Turismo) – IFRS Campus BG
Daisy Letícia Bortolini (Bióloga) – Departamento de Vigilância Sanitária BG
Dra. Hernanda Tonini (Turismo) – IFRS Campus BG
Dra. Joice Lavandoski (Turismo) – UNIRIO
Dr. Marcelino de Souza (Engenheiro Agrônomo) – UFRGS
Esp. Raquel Fronza Scotton (Turismo) – IFRS Campus BG
Me. Rita Michelin (Antropologia e Turismo) – UNICNEC Bento
Dra. Shana Sabbado Flores (Administração) – IFRS Campus BG
Me. Tissiane Schimidt Dolci (Hotelaria) – IFRS Campus Porto Alegre
Dr. Luís Fernando Saraiva Macedo Timmers (Biólogo) – UNIVATES


Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura

Fotos: Laura Kirchhof 

Fonte: BENTO TUR

Compartilhe isto:

Cadastre-se para receber notícias e eventos!